Segurança de cordel

Minha humilde gente
Me ouça bem de repente
Preste muita atenção,
O que eu vou falar agora
Não é da boca pra fora
é com muita convicção.

Tem muito esperto lá fora
Não da bobeira não se enrola
Com tanta enganação
Tem muito “cabra errado”
Roubando todos os seus dados
E enganando os sem noção

E falando em segurança
Não perco a esperança
De um dia tu aprender
A desconfiar como um gato
Dos pedidos exagerados
Na web a te fazer

Pedindo por sua senha
Isso é uma resenha
Preste muita atenção.
Não passe nenhum dado
Não seja mais um otário
Que caiu na ilusão